Deus não só me livrou das drogas como também me deu uma vida digna.

Foram 20 anos de uma vida bastante negra cheia de drogas e de dor. Assim foi a minha vida entre os 12 e os 32 anos de idade.

Decidi entrar no mundo das drogas porque achava que podia ter tudo aquilo que os meus pais não me podiam dar, por sermos muitos, no total éramos 10 irmãos.

Durante esse tempo fui em busca de muitas respostas e soluções para as minhas dúvidas e perguntas e nessa procura conheci uma pessoa espectacular que fez com que a minha vida, bastante acelerada, acalmasse.

Pensava que ela iria ser a solução para todos os meus problemas, tivemos um filho, o Ivan, mas nem assim a minha vida tomou rumo.

Em 1999 entrei pela primeira vez no Desafio Jovem para fazer o programa, mas nada aconteceu de diferente na minha vida, pela minha teimosia, porque pensava que sabia tudo. Saí, mas passados 3 anos, no dia 1-8-2002 decidi mudar de vida e entrei pela segunda vez no Desafio Jovem.

Queria fazer tudo de maneira diferente, como nunca tinha feito.

Entrei para Comunidade de Cucujães onde encontrei algumas pessoas que tinham feito alguma diferença na minha vida na primeira vez que estive nesta casa.

A minha vida foi sendo transformada, mas ainda não conseguia acreditar que o sonho de reconquistar a minha companheira e o meu filho fosse possível. Era uma coisa que me parecia inatingível e dei comigo a pensar que não valia a pena pagar preço por algo que nunca mais estaria no meu percurso. Eu queria voltar a desistir.

Mas, no dia 28-8-2002, Deus falou ao meu coração através duma passagem da Bíblia que ainda hoje continua a falar e a fazer-me andar e lutar pelas Suas promessas (Marcos 8: 22-26).

Deus disse-me para não me ficar só com as sombras, mas sim, e através Dele, puder ver e ter tudo mais nítido.

A Eunice hoje é minha esposa e vivemos juntos os três, eu ela e o nosso filho Ivan. Este processo demorou 8 anos.

Agora trabalhamos juntos, em Cucujães, onde tudo começou na minha vida, tenho uma família abençoada, servimos juntos nesta grande casa onde Deus me tem surpreendido bastante. Sou um privilegiado pois diariamente posso ver naqueles que chegam até nós sem grandes expectativas de vida o milagre da transformação e da cura.

Vale mesmo a pena esperar sempre com Deus ao nosso lado. Quando achamos que não vamos conseguir Ele nos surpreende. 1 Coríntios 3: 7-10.

Obrigado aos meus novos amigos que acreditaram em mim e que me deram a conhecer um Deus cheio de amor, que me ajudaram a ser firme e a construir as minhas bases num bom e sólido fundamento, Jesus a minha Rocha.

Obrigado amigos.